FEP
PT   EN
Imagem 1
Sigarra

ECONOMIA E GESTÃO DE RECURSOS HUMANOS

 

  1. DIRETOR DE CURSO
  2. COMISSÃO CIENTÍFICA
  3. OBJETIVOS
  4. DESTINATÁRIOS
  5. DISSERTAÇÕES E ARTIGOS EM DESTAQUE
  6. ESTÁGIOS
  7. RANKINGS
  8. PROGRAMA
  9. DIPLOMA
  10. PERFIL ESTUDANTES
  11. CANDIDATURAS
  12. PROPINAS
  13. INFORMAÇÕES E CONTACTOS
  14. TESTEMUNHOS


1.
DIRETOR DE CURSO

Teresa Proença

O curso de Mestrado em Economia e Gestão de Recursos Humanos oferece uma formação analítica sólida e desenvolve as competências necessárias para uma carreira profissional centrada na gestão de pessoas e nas políticas públicas dirigidas ao mercado de trabalho.
Nos últimos anos as organizações têm vindo a perceber que para inovar e se manterem competitivas necessitam de valorizar e desenvolver o capital humano e social das suas organizações. Neste sentido são diversos os desafios a que procuram responder: alinhar as políticas de recursos humanos com a estratégia da organização, construir culturas organizacionais empreendedoras, potenciar climas positivos, atrair e reter os melhores talentos, desenvolver equipas de trabalho ganhadoras e arquiteturas sociais de desempenho e compromisso.
O curso destina-se a todos os que pretendem consolidar o conhecimento e desenvolver as competências indispensáveis ao exercício de uma atividade profissional na área dos recursos humanos em empresas e outras organizações do setor privado ou público, designadamente nos domínios da direção de recursos humanos, estudos do mercado de trabalho, bem como na consultoria em recursos humanos.

 

2. COMISSÃO CIENTÍFICA
» Teresa Proença (Presidente)
» Carlos Cabral Cardoso
» Luisa H. Pinto
» Pilar González

3. OBJETIVOS
» Formar futuros profissionais na área de recursos humanos;
» Contribuir para o desenvolvimento de carreira de quem já tem experiência profissional nesta área ou pretende redirecionar a sua carreira para ela;
» Habilitar os profissionais de recursos humanos para uma contribuição efetiva na articulação entre as políticas organizacionais globais e as políticas de recursos humanos;
» Desenvolver competências de investigação.

4. DESTINATÁRIOS
O curso está preparado para acolher recém-licenciados com formação de base diversificada (Gestão, Economia, Engenharia, Direito, Psicologia, Sociologia, entre outras), bem como profissionais que pretendam desenvolver ou redirecionar as suas competências para a área dos recursos humanos.

5. DISSERTAÇÕES E ARTIGOS EM DESTAQUE
 
Pinto, L. e Araújo, R. (2016) "Social networks of Portuguese self-initiated expatriates", Journal of Management Development, Vol. 35 Iss: 1, pp.89 – 103

Silva, S., Proença, T. & Rodrigues, A. (2014) "Avaliação do Desempenho, desenvolvimento da componente comportamental relativa aos diretores de obra numa empresa de construção". In Cascao, F. (Coord) Gestão do Conhecimento, de Competências e do Talento. Lisboa: Edições Silabo.

"The Dark Side of Human Resources Management”; Ana Lúcia de Sousa Martins; Orientador: Carlos Cardoso.

"A Comunicação Interna e o Comprometimento Organizacional - O caso da Autoridade para as Condições do Trabalho”; Cátia Filipa Sousa Neto; Orientadora: Sofia Cruz.

"Avaliação de competências: implicações nas práticas de gestão de recursos humanos”; Carla Correia, Orientadora: Pilar Gonzalez.

"Adjusting to a non-cosmopolitan destination: identifying the coping strategies of SIEs living in Porto”; Monica Jimena Avila Garcia; Orientadora: Luísa Pinto.

"Ajustamento do Emprego e dos Salários no setor bancário em Portugal”; Tiago Luís Monteiro Vilaverde; Orientador: José Varejão.

"Proposta de um Sistema de Avaliação de Desempenho numa Associação Sem Fins Lucrativos”; Ana Rosa Moreira Jorge Pinto; Orientadora: Teresa Proença

"Medicina Holística e Preventiva nas Organizações - Novas Direções para a Saúde Ocupacional”; Ana Sofia Carvalho Vieira; Orientadora: Conceição Ramos


6. ESTÁGIOS
Sonae, COLEP, Adecco, Cork Supply, Grupo Rangel, Michael Page, Pessoas & Sistemas, Bosch, Real Vida Seguros, Câmara Municipal do Porto, Msearch e Lidl são algumas das empresas que receberam estagiários do Mestrado em Economia e Gestão de Recursos Humanos.

7. RANKINGS
O Mestrado em Economia e Gestão de Recursos Humanos integrou a 18ª posição do ranking Eduniversal Best Masters Ranking 2014-2015 dos melhores programas da Europa Ocidental na área de Gestão de Recursos Humanos.

8. PROGRAMA
Os planos dos cursos de mestrado da FEP podem ser consultados aqui.

9. DIPLOMA
A realização da componente letiva do mestrado, correspondente a 75 créditos ECTS, permite obter um diploma de curso de mestrado, não conferente de grau em Estudos em Economia e Gestão de Recursos Humanos. O grau de mestre em Economia e Gestão de Recursos Humanos é atribuído após a realização da dissertação / trabalho de projeto / estágio.
 
10. PERFIL DOS ESTUDANTES
Estudantes inscritos/admitidos em 2016/2017
 



11. CANDIDATURAS

24 de março a 11 de abril 2017

Consulte aqui o edital.



12. PROPINAS
 
Estudantes nacionais
Tempo integral: 1.500€
Tempo parcial: 1.125€

Estudantes internacionais
Tempo integral: 5.000€
Tempo parcial: 3.750€

Estudantes internacionais CPLP
Tempo integral: 2.500€
Tempo parcial: 1.875€
 
A informação sobre o conceito de estudante internacional pode ser encontrada aqui.


13. INFORMAÇÕES E CONTACTOS

admiss@fep.up.pt

Faculdade de Economia da Universidade do Porto
Rua Dr. Roberto Frias, 4200-464 Porto
Telefone + 351 225 571 100
 

14. TESTEMUNHOS

 

"O mestrado foi sem dúvida uma mais-valia na atualização de conteúdos e práticas, bem como na aquisição de conhecimentos de diferentes áreas, nomeadamente na área de Economia e Direito. O facto da turma ser relativamente pequena também agiliza o processo de comunicação e promove uma grande proximidade entre alunos e professores o que contribui para um bom ambiente de trabalho. O corpo docente reconhecido pelo seu mérito académico, mas também pela sua vasta experiência prática, juntamente com um grupo de alunos oriundos de formações de base distintas, proporcionam uma troca de experiências e perspetivas que se verificaram ser uma mais-valia. Sara Mugeiro, Responsável pelo R&S e desempenha funções na área de desenvolvimento de Recursos Humanos na DouroAzul.
 
 
"A união da componente multidisciplinar com a transversalidade do Mestrado em Economia e Gestão de Recursos Humanos resulta na sua grande vantagem. A conclusão do presente mestrado dotou-me de competências práticas e conceptuais essenciais para o desenvolvimento da minha atividade profissional.", Leonor Machado, Responsável do departamento de Recursos Humanos da KLOG - Transport Solutions, S.A.
 
 
 
 

"Quando optei por investir num mestrado em Gestão de Recursos Humanos, encontrei na FEP a oferta que procurava. Sendo licenciado em Gestão, procurava um curso com um plano curricular que abordasse o uso de um pensamento analítico e que valorizasse o capital humano das organizações. Não só encontrei isso no MEGRH, como também uma grande amplitude de matérias que me prepararam para desempenhar eficientemente funções no mercado de trabalho. Qualquer que seja o papel a desempenhar no domínio da GRH, técnico ou orientado para as pessoas, os alunos deste mestrado adquirem um conjunto de conhecimentos que lhes permitem extrair o maior valor possível na manutenção da sua carreira profissional, sem nunca esquecer o valor individual de cada pessoa."Renato Anjo, Analista de negócio no HP Inc, Barcelona

 

 
 

"O Mestrado em Economia e Gestão de Recursos Humanos permitiu-me consolidar conhecimentos e abrir novos caminhos nesta área. Numa Faculdade de renome, com docentes altamente qualificados destaco ainda uma visão integrada entre a teoria e a prática que me proporcionaram um contacto mais próximo com a realidade do mercado de trabalho."Mónica Ovaia, Gestora de Formação na Rui Pena & Associados, Centro de Formação Avançada Comenius

 


 

"O MEGRH permitiu-me explorar diferentes áreas do main-stream da Economia e Gestão, que na minha opinião, são fundamentais a qualquer gestor de uma empresa. Saber liderar pessoas é muito difícil. A realidade portuguesa e mundial está cheia de casos onde, por falta de liderança (ou de boas práticas de GRH), ocorrem problemas organizacionais graves. Áreas como GRH, Liderança, Empreendedorismo, Criatividade, Ética e GRH internacional (entre outras) permitem clarificar algumas destas questões, permitindo uma visão analítica dos comportamentos e seus efeitos no contexto laboral.”Tiago Vilaverde, Coordenador de backoffice da Direção de Serviços Financeiros da SONAE

 

 


LinkedIn Add to Profile button

 

 



Faculdade de Economia da
Universidade do Porto
Rua Dr. Roberto Frias,
4200-464 Porto - PORTUGAL tel | +351 225 571 100
fax | +351 225 505 050 http://www.fep.up.pt
geral@fep.up.pt
 
 
SEARA.COM
>